Notícias

(13/06/2017)
Projeto político socialista para o ES é tema de último encontro regional do PSB


O caminho da recuperação da nação é pela via política. Com esse entendimento, o Partido Socialista Brasileiro, sobretudo no Espírito Santo, concluiu um ciclo de encontros regionais em todo estado. O último, realizado nesse sábado (10) em Vila Velha, no clube de panificadores, reuniu cerca de 15 municípios da região Metropolitana e adjacentes, contando com a presença de mais de 200 pessoas, dentre elas, o presidente nacional da Fundação João Mangabeira, Renato Casagrande, o presidente do PSB estadual, deputado federal Paulo Foletto, o deputado estadual Bruno Lamas, o prefeito de Alfredo Chaves, Fernando Lafayette, o vice-prefeito de Vitória, Sérgio Sá, a vice-prefeita de Serra, Márcia Lamas, militantes, representantes dos movimentos sociais, vereadores e lideranças municipais.


Os participantes foram contagiados pela calorosa participação das comitivas de militantes dos municípios de Serra e Alfredo Chaves, que abrilhantaram o evento, juntamente com a intervenção animada da Juventude Socialista Brasileira (JSB) que com palavras de ordem e instrumentos musicais declararam empenho na participação política estadual.


O vice-presidente do PSBES, Luiz Ciciliotti, em sua fala, destacou que o partido precisa se concentrar em novas filiações. “Queremos um partido para a população e para os movimentos sociais e renovar nosso quadro de filiados e ampliá-lo é de extrema importância nesse momento, rumo a 2018”.


João Artem, ex-vereador de Vila Velha, destacou: “esses encontros me fazem lembrar de 2010, quando o PSB se organizou e elegeu Casagrande a governador. Vivemos um momento diferente em que o país se encontra em estado de ebulição e é agora que precisamos trabalhar e ir para as ruas para retomar no estado a figura de Renato Casagrande”. Artem aproveitou para fazer um convite: “Nosso Congresso municipal em Vila Velha está marcado para o dia 23 de julho. Estão todos convidados! Vamos dar andamento ao projeto do PSB, que vislumbra um estado mais democrático e participativo nas decisões do povo, ouvindo as pessoas”.


O presidente do PSBES, deputado federal Paulo Foletto, fez menção aos rumos de 2018 e o trabalho que o partido tem feito e elogiou: “precisamos de um governante como Renato Casagrande, que criou o Fundo Cidades. Uma ferramenta para repassar recursos diretamente para os municípios e que na gestão de Renato repassou sem olhar partido, respeitando o trabalho de todos os prefeitos mais de R$ 200 milhões aos municípios para investimentos em infraestrutura urbana e rural, educação, esporte, turismo, cultura, saúde, segurança, proteção social, agricultura, meio ambiente e sustentabilidade.


O prefeito de Santa Leopoldina, Vavá (PRP), marcou presença no evento e declarou: “Mesmo com uma agenda apertada, fiz questão de comparecer a esse encontro em demonstração a minha estima pelo PSB e ao Renato Casagrande”.


A vice-prefeita da Serra, Márcia Lamas, enfatizou a importância de se fazer um trabalho ético e transparente. “Em toda minha vida pública, sempre primei pelo trabalho participativo, ético e transparente e passei isso para meu filho, Bruno Lamas, hoje deputado estadual, que tem 20 anos de contribuição de política pública nesse estado. Isso é uma característica socialista e é uma marca que devemos levar para o Espírito Santo”.


No embalo sobre o projeto político 2018 do PSB, o vice-prefeito de Vitória, Sérgio Sá, completou: “Temos o melhor projeto para o Espírito Santo, por conta do nome de Renato Casagrande. Isso nos legitima como partido. Esse projeto é bom para o estado e por isso precisamos sair daqui com um dever de casa de discutir políticas públicas de qualidade. Todos vocês que representam os seus bairros e suas cidades podem agrupar pessoas, lideranças em torno desse projeto”.


Na ocasião, o deputado estadual Bruno Lamas, citou ações de seu mandato e salientou: “nosso gabinete está de portas abertas. Quero fazer uma saudação especial a todos os movimentos sociais, pois o que seria do nosso partido sem os nossos movimentos? Em especial, destaco aqui, o movimento da juventude, por quem tenho um carinho muito especial. A Serra tem a marca da juventude. Temos hoje dois representantes, estudantes da rede municipal, no Conselho de Acompanhamento do Fundep. Tenho orgulho de ter atuado para a criação do primeiro conselho municipal da juventude da Serra, enquanto fui vereador. Recentemente aprovamos uma lei muito importante para os estudantes, que trata da compra fracionada de passe escolar. A partir de agora, todo estudante, no estado inteiro, poderá comprar o valor de passe escolar que quiser e puder”, destaca o deputado, convidando o público para a sua prestação de contas que acontecerá no dia 26 de junho em Jardim Limoeiro, Serra.


O presidente da Fundação João Mangabeira, Renato Casagrande, após sua palestra sobre conjuntura política nacional e estadual concluiu: “As pessoas me perguntam qual cargo vou disputar em 2018. Acho que nós temos que trabalhar para liderar um projeto político forte nesse estado. O partido deu um ‘bom pontapé inicial’ com esses encontros regionais, mas isso só não resolve, cada município tem que trabalhar. Partido que não discute proposta, que não reúne a militância e que fica sempre com as mesmas pessoas não cresce e é por isso que o nosso desafio é esse e nossa meta tem que ser essa”.


 


 



Fotos