Notícias

(24/07/2017)
Alfredo Chaves é uma das 11 cidades mais seguras do Espírito Santo


{1BA00834-BB7E-D2ED-BDEE-ECC4E28EB6D0}A sensação de medo que persegue quem vive na região metropolitana do Estado, por incrível que pareça, é desconhecida em algumas áreas do interior. Alfredo Chaves é uma delas. O município está no ranking das 11 cidades capixabas mais seguras do Espírito Santo, segundo dados divulgados esse mês pela Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social (Sesp).


O motivo é simples e raro: Alfredo Chaves não registra nenhuma ocorrência de homicídio sequer desde 2016. Apenas 11 dos 78 municípios capixabas conseguiram atingir esse marco no ano passado e, destes, somente sete mantêm o índice zero até então, entre eles, Alfredo Chaves.


Prevenção


O prefeito, Fernando Lafayette (PSB-ES), afirma que a Polícia Militar é quem cuida da segurança pública local e realiza ações de proteção à população. Um delas é a operação Força Rural, que visa levar segurança aos produtores no atual período de colheita do café. “A PM, com o apoio da Prefeitura, faz rondas preventivas e permanentes nos distritos para que as pessoas se sintam mais seguras e para intimidar qualquer ação de indivíduos mal intencionados. E os produtores ficam satisfeitos em receber a visita e as orientações da polícia”, ressalta Lafayette.


As ações também envolvem mobilizações, campanhas educativas, palestras e atividades como o  Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (Proerd), um projeto social conjunto entre Polícia Militar, escolas e famílias, de conscientização e prevenção ao uso de drogas e à violência entre estudantes.


Heranças do Estado Presente


Outra iniciativa da administração que contribui com a segurança são os investimentos em lazer, esporte e cultura, com a parceria do governo do Estado. Os programas Esporte para Todos e Campeões de Futuro, por exemplo, estimulam os jovens a participarem de várias modalidades esportivas.


Segundo o prefeito, toda forma de incentivo, seja na prática esportiva aliada à educação e à cultura, torna possível criar uma formação cidadã estruturada que afaste a juventude do envolvimento com a criminalidade, o consumo de drogas ou qualquer outro risco social. “Queremos que a nossa população permaneça saudável, valorizando a cultura e a educação familiar e, para isso, administração está sempre a disposição para o crescimento de Alfredo Chaves”, salienta Lafayette.


Esses resultados são reflexo das políticas adotadas pelo governo de Renato Casagrande, como o programa Estado Presente, implantado em 2011 durante seu mandato, que, além da repressão qualificada da polícia, se baseava na prevenção social focalizada em áreas mais vulneráveis socioeconomicamente.


Boa vizinhança


A característica interiorana de Alfredo Chaves também contribui para o convívio de boa vizinhança, onde todo mundo se conhece. O prefeito se orgulha dizendo que a tranquilidade se dá pelo fato de que a comunidade é unida e formada por pessoas que se respeitam. “O povo é muito católico, tranquilo, não tem rixa. Fora a educação e a cultura italiana predominante que são características que facilitam o clima amistoso entre os moradores”, explica.


Além disso, por ser uma cidade pequena e longe dos grandes centros, localizada a aproximadamente 80 quilômetros de Vitória, Alfredo Chaves fica mais afastada da violência urbana. A segurança local já faz parte do histórico do município, que em 2014 também havia ficado cerca de três anos sem registros de crime hediondo. O volume populacional é outro aspecto que pesa nesses dados – são apenas cerca de 14 mil habitantes. Mas, sem dúvida, o estilo de vida da população e a presença efetiva da administração servem de modelo para outras cidades.