Notícias

(17/01/2018)
A Juventude Socialista não para!


O que você já realizou nos últimos 140 dias? Para alguns, o tempo simplesmente passou voando, mas para a Juventude Socialista capixaba foram meses de muito chão percorrido e energia de sobra para colocar os planos em prática. Hoje a atual executiva da JBS-ES completa 140 dias de gestão compartilhada e fomos saber tudo que já foi realizado até aqui.


Desde setembro de 2017, foram visitadas 15 cidades para entender a necessidade da juventude nos municípios capixabas, e 30 reuniões realizadas para aproximar os filiados e articular suas pautas, além de reunião com a Executiva Estadual. Nesse período, a JSB-ES também ofereceu formação política para 80 jovens no evento FJM Transformadores, em parceria com a Fundação João Mangabeira, a fim de desenvolver seu perfil de liderança.


Mas um dos feitos mais importantes dessa gestão até agora fechou 2017 com chave de ouro: a JSB-ES levou a maior bancada da Juventude Socialista Brasileira para a 42ª edição do Congresso Nacional da União Brasileira dos Estudantes Secundaristas (CONUBES). Cerca de 50 delegados saíram do Espírito Santo rumo à Goiânia (GO), para se juntar a mais de 5 mil estudantes secundaristas de todo o país que participaram do evento entre os dias 29 de novembro e 02 de dezembro de 2017.


Voz feminina no Congresso


A Secretária de Movimento Estudantil da JSB Guarapari, Victoria Almeida, voltou extasiada do CONUBES e contou que a experiência adquirida no evento vai contribuir muito para sua formação política. “Aprendi muito com gente que também quer lutar por um país melhor, pela visibilidade da juventude, por mais direitos dos jovens, dos negros, dos LGBT. Espero conseguir mostrar para a sociedade que a juventude deve ter lugar na política. A realidade do Brasil está sendo marcada por retrocessos. Se nós, juventude, não incomodarmos, gritarmos, ocuparmos, resistirmos, quem fará isso? Eu quero muito fazer a minha parte e só com coragem se faz a mudança”, afirmou Victoria.


Ela foi a primeira jovem e mulher do Espírito Santo a defender uma tese no Congresso, ou seja, ter um momento de fala para criticar a realidade atual e propor mudanças, de acordo com o que a JSB defende. “Pude explanar tudo o que penso sobre a conjuntura nacional, sobre esse governo e dizer o meu objetivo como jovem mulher secundarista nesse contexto de tanta corrupção e preconceito. O prazer de todo jovem militante é poder gritar o que está errado e que nós podemos fazer algo diferente”, completou.


Objetivos concretos


O Secretário Geral da JSB-ES, Daniel Pio, acrescenta que a juventude historicamente sempre esteve nas lutas pelos direitos sociais, e que os tempos atuais são de intensos ataques a esses direitos, por isso é fundamental que os jovens estejam organizados em grupos como a Juventude Socialista, que pretende fazer muito mais do que já foi feito nesses 140 dias. “Nós da JSB temos o compromisso com o povo trabalhador, com os estudantes, com as liberdades individuais, e continuaremos trabalhando pela construção de um país mais igual, pelo passe livre universal, pela construção da Universidade Estadual, entre outras lutas para beneficiar os jovens capixabas”, completou.


Candidatos jovens e incentivo ao voto


Presente em 15 municípios do Espírito Santo, a Juventude Socialista vem trabalhando para que esse número aumente qualitativamente, chegando em pelo menos mais cinco cidades, segundo afirma o presidente estadual da JSB, Jiberlandio Sahad. Além disso, ele conta que o segmento está preparado para ter candidaturas jovens nas Eleições 2018, e que lançará em fevereiro uma campanha para incentivar o jovem a votar.


“Temos nomes para disputar a Assembleia Legislativa e a Câmara dos Deputados. E vamos conscientizar a população jovem com a Campanha Se Liga 16. Serão várias ações dentro das escolas, faculdades e associações estimulando o estudante de 16 anos, que vai votar pela primeira vez, a tirar seu título e participar das eleições. A previsão é atingir 3 mil jovens na Grande Vitória”, completou o presidente.